Início » Atividades » 11 esportes para crianças que incentivam o desenvolvimento

11 esportes para crianças que incentivam o desenvolvimento

Como a Academia Americana de Psiquiatria de Crianças e Adolescentes (AACAP) mostra, os esportes têm diversos benefícios para as crianças – incluindo um papel fundamental no seu desenvolvimento físico, social e mental.

E o melhor: são práticas superdivertidas e versáteis que podem ser feitas tanto em casas quanto em apartamentos, com a criança sozinha ou com os amiguinhos. Nessa fase, as mamães e papais têm um papel muito importante: o do incentivo.

Uma das principais formas que os pais podem auxiliar é na escolha da modalidade que os filhos vão praticar, considerando fatores como acessibilidade, preferência, aptidão e, claro, diversão.

Neste post, listamos os onze esportes infantis mais indicados para você conhecer e ajudar os pequenos a se decidirem. Confira!

1. Natação

Você sabia que a natação é um esporte que trabalha praticamente o corpo? Respiração, coordenação motora, memória e flexibilidade são alguns aspectos que são estimulados nessa modalidade.

Por esse motivo, ela é uma das atividades físicas mais recomendadas para os pequenos.

Além disso, praticar a natação como um esporte ainda ajuda a melhorar o sono, a flexibilidade e as noções de tempo e de espaço. Ela pode ser trabalhada por crianças de todas as idades, desde que acompanhadas de profissionais capacitados.

Muito interessante, não é mesmo? Ah, lembre-se que essa modalidade precisa de roupas específicas! Por isso, veja nosso conteúdo sobre a moda praia infantil e saiba como o seu ou sua atleta pode se vestir.

2. Futebol

Para a maioria dos brasileiros, o futebol e todas as suas modalidades derivadas são nossas velhas conhecidas. Tem gente que gosta de bater uma bolinha já outros que amam assistir os jogos no fim de semana.

Seja como for, é fato que esse é um esporte amplamente praticado e divulgado por aqui.

O que você pode não saber é que o futebol não é só descontração: na verdade, é uma atividade bem intensa que trabalha coisas importantíssimas nas crianças, como o condicionamento físico, a coordenação motora e a cooperação social.

Se gostou da proposta, saiba que o esporte pode ser praticado a partir dos cinco anos e que o seu pequeno ou pequena pode escolher entre várias opções: futebol, futsal, beach soccer, society etc.

O futebol é, no geral, uma excelente forma de brincar ao ar livre e traz todos os benefícios disso, incluindo uma ajuda para acelerar o metabolismo e manter a saúde cardiovascular, respiratória e muscular em dia!

3. Vôlei

Outro esporte com bola que ajuda no desenvolvimento infantil é o vôlei. Ele desenvolve reflexos, movimentos rápidos, equilíbrio e precisão. Além dos benefícios físicos, ele ajuda a exercitar a interação social entre as crianças.

Contudo, é preciso lembrar de algumas coisas antes de colocar seus filhos para jogar vôlei. O ideal é que eles iniciem a prática a partir dos sete anos de idade e que usem roupas adequadas para isso. Mais especificamente, shorts que deem liberdade de movimento!

4. Handebol

Apesar de não ser uma grande tradição no Brasil, o handebol é muito praticado em países europeus. Esse esporte traz diversas melhorias à criança – desde a coordenação motora até o desenvolvimento muscular são trabalhados no “futebol com as mãos”.

Outra coisa: o handebol ajuda a desenvolver a tomada de decisões e o trabalho em equipe.

Por ser uma modalidade de maior intensidade e dinamismo, deve ser praticada por crianças a partir dos oito anos. Uma partida ideal acontece apenas com duas equipes completas, mas alguns passes e fundamentos básicos podem ser praticados com os próprios pais.

Está gostando da lista? Então, veja nossas dicas de looks femininos com tênis para deixar suas filhas estilosas em todas as ocasiões!

5. Basquete

Se engana quem pensa que o basquete é uma modalidade apenas para pessoas altas. Ele pode ser praticado por crianças de todos os tamanhos a partir dos seis anos de idade! Além disso, pode ser jogado tanto em quadras fechadas como em áreas abertas.

No basquete, os pequenos desenvolvem agilidade, concentração, coordenação motora, respiração e sistema muscular. Essa modalidade também pode ajudar no trabalho em equipe.

6. Tênis

O tênis ajuda as crianças a desenvolverem força física, equilíbrio, coordenação motora e pensamento ágil. O esporte do Guga deve ser iniciado a partir dos seis anos!

Seja na modalidade tradicional (em quadras) ou na versão de praia (na areia), sua criança vai se divertir muito jogando. Apenas lembre-se de vesti-la com as roupas de calor adequadas!

7. Danças

As danças também são uma forma de atividade física e podem ser praticadas por meninos e meninas. Elas ajudam a desenvolver o equilíbrio, as relações interpessoais, a musicalização e a coordenação motora.

A partir dos seis anos, as crianças já podem entrar na aula de balé, street dance ou qualquer outra forma de movimentar o corpo. Esse tipo de atividade física é perfeita para ser feita em uma colônia de férias infantil, por exemplo.

8. Escalada

A escalada é uma atividade muito divertida e mais radical para as crianças. Como você deve imaginar, ela desenvolve a musculatura, o equilíbrio e a coordenação motora.

Com os devidos cuidados e equipamentos de segurança, crianças a partir dos oito anos podem começar no esporte.

Nos últimos anos, essa modalidade tem ganhado muitos adeptos. Em alguns casos, é possível construir uma parede de escalada infantil até dentro de casa!

9. Ciclismo

O ciclismo é uma ótima prática esportiva para toda a família, além de ser um esporte de pura coordenação motora. A partir dos 18 meses, as crianças já podem começar a usar bicicletas de equilíbrio! O pedal pode ser feito em parques e ciclovias.

Na adolescência, quando elas completarem 12 anos, já podem fazer trilhas leves. Estimule seus filhos a pedalar e garantir mais saúde, fôlego e momentos incríveis.

10. Skate

Quer uma modalidade mais radical? Então, aposte no skate! Esse esporte é perfeito para crianças que tenham sete anos ou mais.

Ele ajuda a desenvolver o equilíbrio e a agilidade, mas deve sempre ser praticado com equipamentos de segurança e sob a supervisão de um adulto.

Além de um esporte, o skate é um estilo de vida. Então, é uma boa oportunidade para conhecer o que há de melhor na moda infantil masculina.

11. Patins

Ver as crianças praticando esportes é tudo de bom. O patins, por si só, tem várias modalidades. Pode ser patinação artística, como passeio ou até mesmo no hóquei. Se o seu pequeno se interessar, a partir dos sete anos vocês já podem procurar aulas.

Ao andar sobre as rodinhas, as crianças vão ter mais equilíbrio e coordenação motora. Assim como o skate, é preciso ter capacete, joelheiras e cotoveleiras, além da supervisão ativa de um adulto.

Viu quantas modalidades o seu filho ou sua filha pode praticar? Para ter uma atividade igualmente legal para sugerir aos pequenos quando eles ficarem cansados, veja 5 experiências divertidas e simples.

Qual a importância do esporte para crianças?

Os benefícios do esporte para crianças e adolescentes estão relacionados à prevenção do estresse, problemas respiratórios, cardíacos, musculares e outros. Principalmente no mundo contemporâneo, no qual as crianças estão cada vez mais dependentes da tecnologia.

Por esse motivo, é preciso estimular a prática esportiva nas crianças e adolescentes. O Instituto Reação, aponta que essas atividades atuam diretamente no desenvolvimento motor e cognitivo, além de estimular a convivência e consciência social.

Veja mais alguns pontos positivos da prática esportiva infantil:

  • Introdução de hábitos saudáveis;
  • Melhora da saúde física;
  • Contribuição para a saúde mental;
  • Ajuda a respeitar regras;
  • Ensina a lidar com frustrações;
  • Estimula o convívio em grupo e em sociedade;
  • Entre outros!

Além dos benefícios da prática esportiva para crianças e adolescentes, é importante lembrar que todos devem se divertir durante este tempo. Isso torna as atividades prazerosas e ajuda a evitar a adultização infantil.

Dica extra: os esportes são práticas que podem depender de condições específicas relacionadas ao clima e à temperatura. Por isso, é ideal ter outras ideias de atividades para quando não for possível realizar atividades físicas.

Confira nossa lista de truques de mágicas para crianças e tenha uma ótima alternativa!

5/5 - (Total de avaliações: 1)
Compartilhe:
Jefferson Back

Autor: Jefferson Back

Graduado em Publicidade e Propaganda pela Unisociesc Blumenau, atua no universo digital há quase dez anos. Pós-graduando em Neuromarketing e Brandsense pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali), é fascinado pelo mundo da comunicação e comportamento humano.

Deixe um comentário