Início » Maternidade » O método Ramzi descobre o sexo do bebê no primeiro exame?

O método Ramzi descobre o sexo do bebê no primeiro exame?

Os nove meses de gestação representam um período repleto de dúvidas para as mamães. Seja em casos de mães de primeira viagem ou mães experientes, é inevitável sentir o friozinho na barriga.

Uma das principais expectativas diz respeito à descoberta do sexo do bebê. Afinal, o enxoval e as roupinhas dos pequenos são preparados com base no resultado dos exames de sexagem.

Contudo, a resposta desse exame só pode ser descoberta por volta da 8ª semana de gestação, o que aumenta ainda mais a ansiedade dos pais. Nesse cenário, várias mamães buscam técnicas alternativas para descobrir o sexo do bebê com antecedência.

É aí que entra o método Ramzi! Se você está pesquisando formas alternativas de sexagem, conheça o que é esse exame, se é confiável e como realizá-lo neste post:

O que é o método Ramzi?

O método Ramzi é o resultado de um estudo realizado em 2011 por Saad Ramzi Ismail para ajudar a descobrir o sexo do bebê logo no primeiro exame de ultrassom.

Partindo do pressuposto de que um exame de sexagem pode ser realizado apenas na 8ª semana de gestação – chegando até a 11ª semana em alguns casos – o método pode ser um ótimo auxiliar para gestantes ansiosas.

Os estudos dessa técnica foram realizados entre 1997 e 2007 com a análise de 5.376 ecografias. Em cada uma delas, as gestantes passaram por exames de ultrassonografia fetal em suas 6 semanas de gravidez.

Após a análise de cada um dos bebês de acordo com o método, o procedimento era realizado novamente por volta das 18 a 20 semanas de gestação.

Com o resultado dessa pesquisa, foi possível ver que 97,2% dos bebês meninos estavam do lado direito do útero, ao passo que 97,5% das bebês meninas estavam posicionadas ao lado esquerdo do órgão.

Isso fez com que Ramzi concluísse que a posição da placenta no útero poderia dar respostas quanto ao sexo dos bebês com 90% de chances de acerto, antes mesmo do exame de sexagem fetal.

Leia também: Gravidez aos 40 anos: entenda como é, os riscos e cuidados

Como testar esse método em minha gravidez?

O teste do método Ramzi na gravidez é muito simples. Basta que você analise a posição do seu bebê com base em seu primeiro exame de ultrassonografia, realizado na 6ª semana de gestação. Veja como interpretar:

  • Em casos de bebês meninos: Se for um rapazinho que estiver a caminho, o saco gestacional estará posicionado ao lado direito do útero.
  • Em casos de bebês meninas: Por outro lado, se você estiver à espera de uma mocinha, o método pressupõe que o saco gestacional estará posicionado ao lado esquerdo do útero.

Se você tem o seu exame de ultrassonografia em mãos, faça o teste e veja agora mesmo qual o sexo do seu bebê de acordo com o método Ramzi.

E se você já ganhou seu pequeno ou pequena e ainda tem seu exame de ultrassonografia de 6 semanas guardado, faça o teste também e veja se o método acertou.

Deixe seu comentário abaixo e compartilhe sua experiência com outras mamães ansiosas!

Leia também: Tampão mucoso: o que é, quando sai e o que fazer se sair?

Por que saber o sexo do bebê tão cedo?

Essa pergunta é feita por muitas pessoas, mas definitivamente nenhuma delas é uma gestante. Afinal, elas sabem mais do que ninguém os motivos pelos quais desejam tanto saber o sexo do bebê. Entenda alguns deles:

1. Aliviar a ansiedade

Se existe um sentimento que todas as futuras mamães sentem (fora o amor, esperança e gratidão, claro), é a ansiedade. É inevitável ficarmos imaginando como será o rostinho do bebê, a sua personalidade e as necessidades que terá.

E esse sentimento não parece só depois da descoberta da gestação não, viu? Desde o planejamento de ter um filho, o sentimento de ansiedade na gravidez já começa dar as caras.

Imagine passar todo esse tempo esperando ansiosamente o nascimento do bebê? Saber o sexo do bebê com antecedência pode ajudar a aliviar essa expectativa!

Lembrando que estamos falando de um sentimento saudável e leve de ansiedade. No entanto, caso você sinta qualquer sintoma grave desse problema durante a gestação, é importante consultar um especialista, combinado?

2. Ter mais tempo para definir o nome do bebê

Ah… O nome do bebê. Esse é um assunto polêmico que gera discussões iniciais entre mamães e papais e pode até se estender aos familiares.

Essas discussões pacíficas precisam de tempo para que todos possam entrar em um consenso. Desse modo, saber o sexo do bebê mais cedo ajuda a limitar as opções de nome e chegar a uma decisão concreta mais cedo.

3. Preparar o enxoval e a decoração do quarto do bebê

Sabemos que a escolha do enxoval do bebê junto à decoração de seu quarto não é uma atividade fácil, não é mesmo? Ainda mais quando não sabemos o sexo do bebê. Nesse cenário, indicamos a compra de um enxoval todo neutro.

Portanto, descobrir se ganhará um menino ou menina ajuda bastante nesse processo.

Leia também: Quantas roupas RN comprar? Anote o checklist completo

O método Ramzi é confiável?

Apesar do estudo do método Ramzi ter sido realizado com uma quantidade considerável de gestantes, é importante ressaltar que ele não possui validação científica e, justamente por isso, não tem sido abordado por outros cientistas e pesquisadores da área.

Pode ser que o método acerte ou não o sexo de seu tão aguardado pequeno (ou pequena). Nossa recomendação é que você faça o teste e verifique o resultado, mas não o leve como verdade incontestável.

Por mais que pareça impossível, tente não alimentar expectativas sobre o método e, independente do resultado, lembre-se que a dúvida e a ansiedade fazem parte da gravidez. O que realmente importa é que, em breve, o seu bebê virá ao mundo para alegrar a sua vida!

Mamãe e papai, o que vocês acharam deste conteúdo? Esperamos que tenham gostado e se divertido com a gente! Aproveitando o assunto, confira o nosso post sobre enjoo na gravidez: é normal não sentir?

Agradecemos por ter lido até aqui e deixamos nossos mais sinceros desejos de uma gravidez tranquila e mágica.

Abraços e até nosso próximo post!

5/5 - (Total de avaliações: 1)
Compartilhe:
Equipe Brandili

Autor: Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Deixe um comentário