Siga essas dicas e logo verá sua criança se vestindo sozinha!

Você sonha com o momento em que vai ver sua criança se vestindo sozinha, sem a ajuda dos adultos? Pode parecer algo insignificante mas os papais e as mamães sabem o quanto cada aprendizado desses é uma grande conquista e motivo de comemoração. 

Além disso, quando seu filho começa a se vestir sozinho, essa deixa de ser uma tarefa em sua lista de coisas para fazer durante a rotina da casa, não é mesmo? 

Por isso, a Brandili reuniu nesse post algumas dicas e informações que vão te ajudar a desenvolver esse aprendizado junto com seus filhos. Após a leitura, ver a criança se vestindo sozinha – ou pelo menos tentando, errando e aprendendo – logo se tornará comum no seu dia a dia. Veja só: 

O que uma criança se vestindo sozinha desenvolve:

Aprender a se vestir sozinha fará bem para qualquer criança pois aumentará seus níveis de autoconfiança, além de proporcionar aquela sensação prazerosa de conquistar algo tão desejado. Afinal, perto dos 3 anos de idade o que eles querem mesmo é se tornarem independentes. 

Quando a criança passa a se vestir sozinha ocorre, também, diversos desenvolvimentos cognitivos. Por exemplo, ela desenvolverá também a sua linguagem e construirá vocabulário, pois aprenderá o nome de cada peça e a parte do corpo em que ela é vestida. 

Também, desenvolverá sua coordenação motora fina – quando precisar lidar com os botões e com o zíper de suas peças – e coordenação motora grossa – quando precisar se equilibrar só em um pé, enquanto o outro entra pelo shorts que está vestindo. 

Outro ponto muito legal é que ela vai aprender sequências, pois precisará entender quais peças devem ser vestidas primeiro, qual roupa vestir quando está frio, qual vestir quando chove, etc. Isso será uma habilidade importante quando forem um pouco mais grandinhas. 

escolhendo roupas

Quando as crianças aprendem a se vestir sozinha? 

Não existe uma idade certa para aprender a se vestir. Isso porque esse aprendizado é conquistado por partes, começando perto dos 3 anos pelas tarefas simples e peças mais fáceis até que posteriormente aprenda a se vestir completamente, sem ajuda, por volta dos 5 anos de idade. 

Para te ajudar a entender como cada habilidade é desenvolvida ao longo do tempo, criamos este quadro: 

Em que idade é normal ver a criança se vestindo sozinha? 

Idade da criança Tarefas que domina ao se vestir
1 ano  levantar os braços e pernas quando precisar vestir camisetas e calças; passar os braços pelas mangas e as pernas pelas calças; tirar meias e calçados facilmente.
2 anos encontrar os buracos para passar os braços na camiseta; ajudar a abaixar as calças; tirar jaquetas e casacos quando estiverem desabotoados.
2 anos e meio abaixar as calças e shorts de elástico sem ajuda; vestir jaquetas sem abotoar elas; desabotoar botões grandes;  tentar vestir suas meias;
3 anos abaixar as calças sozinha; tirar camisetas sem ajuda; vestir camisetas com um pouco de ajuda;  calçar tênis sem amarrar seus cadarços (e podendo errar os pés); vestir as meias (com dificuldades para acertar o lugar do tornozelo); fechar e abrir o zíper, sem unir ou separar suas pontas; abotoar os botões grandes. 
4 anos afivelar cintos e sapatos de fivela; conectar as pontas de um zíper e fechá-lo; calçar os sapatos nos pezinhos corretos; vestir as meias no lado certo; saber diferenciar a frente da parte de trás das roupas.
5 anos se vestir sem supervisão.

5 dicas para estimular seus filhos a se vestirem sozinhos

Por que não dar ao seu filho a ajudinha que ele precisa? Você, enquanto mãe, pode deixar esse aprendizado muito mais divertido e facilitado se seguir as dicas que separamos abaixo: 

1. Nomeie as peças e onde elas vão 

Para que a criança aprenda, é muito importante conversar com ela sobre cada ação que você realiza, mesmo quando ela ainda é muito nova para aprender. Elas aprendem refletindo o que os adultos fazem. Por isso, o processo fica muito mais fácil quando você sinaliza ao seu filho coisas como “agora, vamos colocar a camiseta” e “vamos passar o braço pela manga”. 

Assim você vai preparando a criança para seguir todos esses passos quando chegar a sua vez. Após algum tempo, você pode fazer perguntas para conferir se ela aprendeu, como “qual peça nós vestimos primeiro?”. A cada resposta certa comemore e dê os parabéns pelo ótimo trabalho. 

Como já falamos aqui no blog, quando explicamos as fases do desenvolvimento da linguagem infantil, falar com os pequenos é uma ótima forma de incentivar que eles falem também. Dê uma passadinha nesse post e entenda mais! 

2. Comece pelas roupas fáceis 

Como você viu na tabela acima, as crianças aprendem a se vestir por partes, peça a peça. Por isso, não é difícil entender o porquê de evitar incentivar que a criança vista uma jaqueta de botões logo no início, não é mesmo? 

Comece pelas peças mais simples, como os shorts que são presos apenas por elásticos, camisetas, peças íntimas e calçados com velcro. Conforme suas habilidades forem melhorando, é possível aprender com as peças mais complicadinhas. 

peças fáceis de vestir para crianças

3. Ensine o passo a passo 

Ainda que você já fale em voz alta todos os passos que cumpre ao vestir seu filho, é muito importante ensinar cada etapa para se vestir de forma simplificada. 

Lembre-se que tudo é novo para eles, e alguns conceitos que são naturais para você hoje em dia são desconhecidos das crianças. Por isso, realmente ensine o básico, como segurar a peça nos lugares certos, verificar onde é a frente e atrás, quais partes vestir primeiro, etc. 

4. Dar opções 

Quando os pequenos já forem capazes de fazer suas próprias escolhas, você pode iniciar sua participação no processo de se vestir sozinhos começando pela escolha de roupas. 

Em um dia de temperaturas baixas, por exemplo, explique que está frio lá fora e que é preciso vestir uma blusa e pergunte “qual você quer vestir: a azul ou a amarela?”. Assim, a criança aprende que essas escolhas precisam ser tomadas e que ela pode fazê-las sozinha. 

Dentro disso, é importante ensinar também a diferença entre as roupas limpas e roupas sujas. Quando as peças estiverem no cesto de roupas, precisamos esperar para que elas sejam lavadas e estejam prontas para serem usadas dentro das gavetas.

5. Incentive que elas comecem sentadas

Um grande desafio enfrentado pelas crianças na hora de aprender a se vestir é o de encontrar equilíbrio para vestir peças como shorts e calças. Por esse motivo, você pode começar incentivando que elas se vistam primeiro sentadas. 

Na cama ou em uma cadeira, a criança poderá colocar seus dois pés pela peça e depois se levantar, para poder terminar de vesti-la. Assim ela vai ganhando prática e logo logo será capaz de vestir shorts e calças da “maneira correta”, em pé! 

criança se vestindo

E é isso! Logo logo você verá a criança se vestindo sozinha se seguir essas dicas, ser muito paciente e oferecer o seu apoio quando necessário. Esperamos ter ajudado!

Se quiser conferir mais dicas como essas, pode continuar aqui no blog da Brandili! Estamos todas as semanas publicando novos conteúdos que vão te ajudar no dia a dia com os pequenos. 

E já que estamos estudando sobre a formação de novas habilidades, que tal ler nossas dicas de atividades para desenvolver a coordenação motora fina das crianças? Elas podem ser úteis nesse processo de aprender a se vestir sozinha! 

Te esperamos por lá, ok?

Equipe Brandili

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!

Assuntos Relacionados