Atividades de alfabetização para reforçar o aprendizado em casa

Já pensou em fazer algumas atividades de alfabetização com seu filho dentro de casa para reforçar os aprendizados da escola? O incentivo dos pais fora da sala de aula é essencial para a absorção dos conhecimentos! 

Aprender a ler e escrever é algo importantíssimo para qualquer ser humano. Afinal, essa é a habilidade que vai permitir interagir com o ambiente, seja lendo livros, anúncios na TV, se comunicando pela escrita, entendendo o dinheiro e muito mais! 

Por esse motivo, a Brandili preparou esse post com várias ideias de atividades de alfabetização que vão ajudar os pais a reforçarem esse aprendizado com seus filhos, até mesmo com as crianças que ainda nem frequentam a escolinha. Continue a leitura e aprenda com a gente!

criança montando blocos

Atividades de alfabetização para crianças em idade pré-escolar

Não deixe que o aprendizado do alfabeto comece apenas quando a criança estiver na escola! Desde pequena ela pode aprender com os pais e com seus brinquedos um pouquinho sobre o mundo das letras. Olha só essas atividades de alfabetização simples que você pode fazer com as crianças menores:

1. Crie rimas 

Ouvir e entender as rimas é uma ótima forma de observar as relações entre as palavras, os sons das sílabas e as letras que compõem elas. Por isso, use o recurso das rimas com as crianças sempre que tiver oportunidades. 

Por exemplo, na hora do café da manhã lembrar que “leite quente dá dor no dente” ou mesmo narrar o que você está fazendo com uma rima divertida, como “dando batata para a gata”. 

2. Ensine a cantar as cantigas de roda

As cantigas de roda são outra forma de se familiarizar com as rimas e entender a relação entre os sons das letras e das sílabas. São ótimos exemplos a música da borboletinha, atirei o pau no gato, cai cai balão, pirulito que bate bate e a da barata. 

Você pode cantá-las junto da criança durante as brincadeiras, na hora do banho ou durante as viagens de carro, por exemplo. 

3. Brinque de repetir os sons 

A alfabetização vai muito além de apenas conhecer as letras do alfabeto e saber ler. O reconhecimento dos sons também faz parte do processo! 

Com isso em mente, você pode fazer atividades com os pequenos que ainda não estão em idade escolar para aprender a reconhecer os sons e repetí-los. Uma ótima forma de trabalhar essa atividade é imitando o som que cada animal faz. Pergunte para a criança “qual o som que a vaca faz?” e incentive que ela faça o som de “mu!”. Repita com outros animais, como o pintinho, o gato e o cachorro.

Atividades de alfabetização para crianças já em fase escolar 

Fazendo as três atividades de alfabetização acima quando os pequenos ainda não estão na escola você já pode “preparar o solo” para quando o verdadeiro aprendizado em sala de aula começar. Quando esse momento chegar, intensifique ainda mais esses exercícios em casa e incentive as crianças a sempre exercitarem a escrita e leitura. 

Veja como com essas ideias de atividades:

4. Fazer as letras com massinha de modelar

Qual criança não se diverte com a massinha de modelar? Essa brincadeira que é muito divertida também faz parte da nossa lista de atividades para desenvolver a coordenação motora fina das crianças, outra habilidade importante para a escrita. 

A brincadeira de formar as letras do alfabeto com a massinha é ótima para a fase de alfabetização. Tanto para absorver o conhecimento aprendido na sala de aula, quanto para desenvolver habilidades motoras

Para fazê-las, basta pedir para as crianças formarem “minhoquinhas” com a massinha e, depois, formar as letras. Vocês podem começar pelas letras do nome da criança e depois escrever outras palavras, como o nome da mamãe e do papai. 

letras

5. Peça para assinarem seus desenhos 

Uma das primeiras atividades de alfabetização que as crianças fazem na escola é aprender a escrever o seu nome. Para reforçar essa atividade em casa, você pode incentivar que a criança assine todos os seus desenhos com o seu nome, assim como os grandes artistas fazem. 

No início elas podem ter dificuldades para lembrar cada uma das letras e você precisará ajudá-las. Com o tempo, o ato de assinar o nome dos desenhos se torna natural e os pequenos já dominam a escrita das letrinhas do seu nome. 

6. Pergunte algumas rimas para as crianças

Lembra o que dissemos acima sobre as atividades de alfabetização irem muito além do aprendizado das letras? A percepção dos sons e das sílabas também faz parte disso! 

Por isso, a ideia da vez é testar o conhecimento do seu filho sobre as rimas. Em momentos distintos do dia, pergunte para a criança se ela sabe palavras que rimam com “gato”, com “mala”, com “galo” e outras palavras de rimas simples. 

Faça desse um desafio diário, que será tanto educativo quanto divertido! 

7. Incentive que a criança escreva bilhetes

A escrita é um instrumento de comunicação muito importante para nossa vida e, por esse motivo, precisa ser trabalhada desde cedo para ser dominada pelas crianças quando crescerem. Uma forma de fazer isso é incentivar que escrevam pequenos bilhetes e cartinhas para outras pessoas. 

No início, suas letras parecerão apenas rabiscos. Nesses casos você pode perguntar o que o pequeno quis dizer no bilhete e escrever abaixo das palavras, com letra legível, a mensagem. Envie as cartinhas, cartões e bilhetes para amigos e familiares e instrua eles a responderem seu filho. 

Dessa forma, a escrita pode ser aprimorada ao mesmo tempo que a criança aprende o papel da comunicação escrita.

8. Leia histórias e converse com elas 

Incentivar a leitura desde a infância também é um passo importante para formar pequenos leitores, ávidos por novas descobertas e aprendizados que se escondem em cada livro. Para fazer isso, é papel dos pais ler com frequência para seus filhos. 

Muito além de apenas ler, você deve interromper a leitura para dialogar com a criança e se assegurar de que ela está assimilando a história. Por exemplo, se o livro falar de uma escola, converse com a criança sobre sua escola e pergunte se há semelhanças entre sua sala de aula com a mostrada na história. 

Outra forma simples de conversar sobre a leitura é perguntar o que a criança acha que acontecerá nas próximas páginas, qual é o seu personagem favorito e por que. Dessa forma, você mostra como a leitura é um exercício ativo e nada chato! 

O Ministério da Educação (MEC) criou em 2019 um projeto bem bacana, que ajuda os pais com esses exercícios de literacia familiar, com vídeos, histórias e outras ideias para colocar em prática dentro de casa. Acesse a página do Projeto Conta pra Mim e conheça esses recursos!

9. Divida a leitura com a criança 

Ainda sobre a leitura, se você já segue a dica acima e tem o hábito de ler para seu filho com frequência, pode dar um passo a mais no exercício e pedir que a criança continue a leitura de onde você parou. 

Esse exercício precisa acompanhar a capacidade de leitura dos pequenos. Ou seja, quando estiverem ainda no início do aprendizado, prefira livros de poucas palavras e com vocabulário mais simples. Conforme o aprendizado avança, as leituras também podem ser mudadas. 

Não sabe quais opções escolher? Confira também o nosso post com nossas sugestões de livros que toda criança deveria ler!

Um hábito muito importante e que muita gente deixa de lado é usar o seu dedo para acompanhar cada linha da leitura, percorrendo-o da esquerda para a direita enquanto passa pelas palavras. Faça isso quando for a sua vez de ler e peça para a criança imitar o gesto quando estiver lendo. Assim, seu filho desenvolve o aprendizado de fluxo de leitura também.

alfabetização de crianças

10. Criar seu próprio livro

Que tal brincar de autor e criar seu próprio livro? A proposta é bem simples e você não precisa se preocupar com uma história bem elaborada, tá bem? 

Comece pelo mais básico e peça para a criança escrever uma palavra em cada página do seu livro e fazer um desenho que o represente. Ela pode desenhar personagens, lugares, objetos, animais e o que mais a imaginação mandar. 

Conforme ela cresce, poderá elaborar suas próprias histórias, escrevê-las e desenhá-las pelas páginas em branco. Temos certeza que você ficará orgulhosa ao receber cada uma dessas obras primas criadas pelo pequeno autor! 

11. Explore o vocabulário no mundo fora de casa

Cada vez que sair de casa com a criança, faça esse exercício divertido e educativo: escolham juntos uma letra do alfabeto e, quando estiverem do lado de fora, procurem lugares em que essa letra aparece. 

Digamos que a letra da vez seja a letra “C”. A criança poderá apontá-la na palavra carro, na calçada, na chuva e em palavras que ela ler nas placas de trânsito, nas fachadas de lojas e em anúncios de propaganda. 

Com essa atividade de alfabetização, toda saída de casa se tornará uma aventura cheia de descobertas para as crianças. 

12. Ímãs de geladeira

Sabe aqueles ímãs de geladeira em formato das letras do alfabeto? Está na hora de resgatá-los, pois eles também podem ser usados para criar diversas atividades de alfabetização para os pequenos! 

Deixe as letrinhas coloridas coladas na lateral da geladeira e na altura da criança para instigá-la a formar palavras, frases e até mesmo poemas. Peça para escrever o seu nome, o nome dos seus animais de estimação, seus personagens favoritos do desenho e muito mais! 

Com o passar do tempo e com o desenvolvimento da habilidade de ler e escrever, você pode transformar os ímãs de geladeira numa forma divertida de se comunicar, deixando mensagens para a criança por ali. 

13. Escrever a lista de compras 

Esse é um exercício que você provavelmente fez quando estava aprendendo a escrever também. É uma tarefa básica realizada dentro de casa e que pode muito bem ser confiada à criança para permitir que participe do dia a dia da casa e também exercite seus aprendizados de escrita. 

Basta encarregá-la de escrever a lista de compras antes de ir ao mercado. Para isso, você precisará ser paciente e estar a disposição para ajudar a criança quando ela se deparar com alguma palavra difícil ou não souber escrever alguma específica. 

crianças brincando com blocos

A importância dos pais no processo de alfabetização

Com tantas atividades de alfabetização assim, já dá para perceber que os pais podem atuar – e muito! – no processo de alfabetização dos seus filhos, não é mesmo? Essa participação é de extrema importância.

Isso porque os estímulos que a criança recebe fora da sala de aula vão servir para deixá-la interessada e engajada no aprendizado. Pare e pense na diferença que você pode fazer na vida do seu filho se instigá-lo desde pequeno a ler e escrever com frequência. Na fase da alfabetização esse estímulo deixará o aprendizado muito mais fácil e, no futuro, poderá ser positivo para o adulto que ele se tornará. 

Para te ajudar nesses momentos, você pode contar sempre com os conteúdos do blog da Brandili! Ele é atualizado todas as semanas com dicas e informações legais para pais e tutores estarem atentos para levar uma rotina divertida e saudável com as crianças. 

Aliás, que tal continuar a sua leitura aqui no blog conferindo nosso texto sobre as fases do desenvolvimento da linguagem infantil? Ali você tira dúvidas que todo mundo costuma ter, como “com quantos anos meu filho deixa de falar ‘errado’?”, não deixe de conferir! 

Esperamos te encontrar aqui mais vezes, ok? Até lá!

Fonte (imagens): Unsplash / Wizard

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!

Assuntos Relacionados