Hiperatividade infantil: como identificar no meu filho?

As crianças por si só já são cheias de energia e isso faz parte da idade, mas algumas podem ter dificuldades de concentração, esquecimento ou inquietação e esses podem ser alguns dos sintomas da hiperatividade infantil

Cabe aos pais observar seus filhos para que ao surgimento de qualquer sintoma, eles sejam encaminhados ao médico. Quanto mais cedo o diagnóstico, melhor o tratamento e maiores a chances de cuidar do distúrbio.

Conforme estudos realizados pela sociedade médica, as causas da hiperatividade infantil ainda são desconhecidas, mas diversos fatores podem ter forte influência, como o nascimento prematuro e complicações durante o parto, consumo de cigarro e bebidas durante a gravidez, crises familiares e até mesmo o luto ou um trauma.

crianças correndo

Hiperatividade infantil: como identificar no meu filho?

A principal maneira de identificar os sintomas da hiperatividade nas crianças é observando os seus comportamentos. Os sintomas podem se manifestar desde muito pequenos, porém, eles são mais fáceis de identificar por volta dos 7 anos de idade, momento em que as crianças costumam iniciar a vida escolar e começam a ter um contato maior com outras crianças.

É imprescindível contar com o acompanhamento de um médico neurologista e psiquiatra, eles farão todos os exames necessários até chegar a um diagnóstico, já que alguns sintomas podem ser confundidos com o desenvolvimento natural da criança ou até mesmo a própria personalidade.

Alguns dos principais sintomas são: 

  • Dificuldade de concentração;
  • Baixo desempenho escolar;
  • Dificuldade para obedecer comandos;
  • Inquietude constante;
  • Não conseguir ficar muito tempo sentado ou sem se mexer;
  • Não conseguir brincar de coisas mais calmas ou que necessitem de concentração;
  • Fala acelerada;
  • Impulsividade;
  • Começa uma atividade e não termina;
  • Falta de organização.

Se o seu filho apresenta pelo menos três desses sintomas é importante procurar ajuda médica para identificar se é hiperatividade ou TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade).

Uma criança só é considerada hiperativa se ela apresenta uma combinação desses sintomas, além disso, eles precisam se manifestar antes ou até os 7 anos de idade.

crianças felizes

TDAH e Hiperatividade são a mesma coisa?

Muitas pessoas associam o TDAH com a hiperatividade e vice-versa, no entanto, esses dois não são a mesma coisa! O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade é possivelmente genético e afeta o funcionamento e também a forma como o cérebro da criança se desenvolve.

O TDAH possui três principais sintomas, a impulsividade, dificuldade para se concentrar e a hiperatividade. Já a hiperatividade é uma condição que afeta o desenvolvimento infantil.

Mesmo a hiperatividade fazendo parte do transtorno, nem toda criança hiperativa tem TDAH.

Ou seja, pode ser que uma criança que tenha hiperatividade não tenha Déficit de Atenção ou que ela tenha TDAH e não seja hiperativa. Tanto a hiperatividade, quanto o TDAH, acomete meninos e meninas. Nos meninos o aparecimento do distúrbio é mais frequente.

Um dos sintomas mais comuns aparentes nos garotos é a inquietação exacerbada, eles não conseguem ficar parados, andam sem parar, sentam e levantam e mexem em tudo. 

Já nas garotas, a condição geralmente se manifesta por meio da desatenção, elas se distraem facilmente com barulhos ou coisas que acontecem ao seu redor, não prestam atenção em comandos e encontram facilidade para cair ou derrubar coisas.

crianças pulando

Importância do diagnóstico e tratamento precoce

Quanto mais cedo a criança tem o diagnóstico e inicia o tratamento melhor será o seu progresso e a sua qualidade de vida. Isso serve tanto na infância, quanto nas outras fases da vida. 

O tratamento está totalmente relacionado à qualidade de vida, então, se iniciado tardiamente ou negligenciado, a criança pode ter diversos problemas que serão levados consigo até a maioridade. Enfrentamento de bullying, dificuldades de aprendizado, abandono da escola, imprudência no trânsito e fracasso acadêmico são só alguns dos problemas a longo prazo.

crianças em casa sorrindo

Como ajudar uma criança com hiperatividade?

A hiperatividade infantil além de trazer dificuldades para a criança também pode gerar preocupação e frustração nos pais. Por isso é imprescindível conversar com o seu filho e tentar entender como ele se sente.

Por conta da dificuldade para acompanhar os amigos na escola ou o medo de incomodar as pessoas por falar demais ou não parar quieto, essas crianças tendem a ficar mais frustradas e se afastar de todos, então a compreensão dos pais e da família é indispensável!

Além do acompanhamento frequente com psicoterapeutas, os pais podem tomar algumas medidas em casa que vão ajudar bastante a criança. A música é uma ótima alternativa para melhorar a disciplina e a atenção. Leia o nosso post sobre a importância da música para o desenvolvimento infantil!

Além disso, criar o hábito e incentivar a leitura são ideais para ampliar o foco e também a capacidade de atenção. 

Ter uma rotina com horários para dormir e realizar as atividades ajuda a diminuir a agitação e trabalhar a organização. Veja como criar uma rotina para as crianças em casa e desfrute de muitos benefícios! 

Brincar também é uma boa alternativa, principalmente as brincadeiras com imaginação e “faz de conta”, que podem ser um ótimo aliado para a concentração. Outra alternativa que pode ajudar bastante as crianças hiperativas a controlar a ansiedade e também a desenvolver melhorar a sua responsabilidade é o contato com cães.

Por mais agitada que seja a rotina, é interessante que os pais dediquem um tempo aos filhos, os pequenos momentos juntos é possível observar as crianças e perceber se existe algo diferente em seu comportamento. 

O papel dos professores e da escola também são fundamentais para perceber como é o desenvolvimento dessas crianças, com um olhar clínico eles conseguem perceber com mais agilidade se há ou não algo a se preocupar.

Aproveite para ler o nosso post sobre coordenação motora fina nas crianças e aprenda algumas atividades para fazer com o seu filho em casa. Até o próximo post!

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!

Assuntos Relacionados