Alimentação infantil saudável: veja como fazer as crianças comerem bem

Fazer com que as crianças se alimentem de forma adequada ou experimentem novos alimentos pode ser um grande desafio para muitas mamães e papais. Por mais difícil e trabalhoso que seja, é possível criar hábitos de alimentação infantil saudável que serão levados para a vida toda.

Uma boa alimentação, rica em fibras, ferro e nutrientes garante não só que a criança cresça forte e saudável, como também é uma boa maneira de prevenir e evitar doenças como a anemia, obesidade e colesterol alto. Aprenda a fortalecer a imunidade, leia o nosso post sobre os melhores alimentos para a criançada!.

Uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde, no Brasil, mostra que pelo menos três a cada dez crianças com idade entre 5 e 9 anos, atendidas pelo SUS (Sistema Único de Saúde), estão acima do peso indicado para a idade. Isso representa um total de 4,4 milhões de crianças. Esses dados são alarmantes e poderiam ser evitados com uma alimentação balanceada!

Por conta da rotina agitada de trabalho, falta de tempo e até mesmo a falta de familiaridade com a cozinha, é cada vez mais comum que desde cedo as crianças passem a consumir mais produtos industrializados como biscoitos e refrigerantes, por conta da praticidade. Os sucos naturais preparados na hora e os pratos com verduras e legumes exigem muito mais esforço!

Dizer que criança não gosta de fruta e verdura é um mito. Criança come de tudo, desde que ela seja estimulada! 

criança comendo abacate

Alimentos indicados para as crianças em diferentes fases

Ao decorrer do seu crescimento as necessidades na alimentação das crianças vão mudando, por isso, é importante se atentar aos alimentos indicados para cada faixa-etária, para que as crianças cresçam com saúde e se desenvolvam muito melhor.

Fase até 6 meses de vida do bebê

Até os 6 meses de vida os bebês se alimentam, única e exclusivamente pelo leite materno. Ele é um alimento rico e oferece todos os nutrientes necessários para que o bebê cresça forte e com um organismo livre de infecções.

O leite materno é tão rico que nele é possível encontrar nutrientes como proteínas, vitaminas, gorduras, sais minerais, açúcares e até mesmo água. Quer aprender mais sobre a riqueza do leite materno? Assista o nosso IGTV sobre a importância da amamentação.

bebê

Fase de introdução alimentar

Os pediatras indicam que a introdução alimentar pode começar nos bebês a partir de 6 meses. Nessa fase, o leite materno já não dá mais conta de suprir todos os nutrientes e por isso é necessário complementar a alimentação com frutas, verduras e legumes.

Essa também é a fase em que o neném começa a desenvolver outros sentidos como a deglutição, digestão, excreção e mastigação, por isso é importante que eles consumam não só alimentos líquidos como sólidos também!

Fase da primeira infância

A primeira infância das crianças dura de 1 até 3 anos de idade. Essa é uma fase crucial e o que é consumido aqui terá reflexo durante toda a infância. Então, evite oferecer alimentos industrializados como biscoitos e salgadinhos.

Nessa fase é ideal que a criança consuma alimentos ricos em cálcio, para a boa formação dos ossos, além de frutas, verduras, legumes, proteínas, leites e açúcares, claro, com moderação.

Fase da segunda infância

Essa fase inicia-se aos 4 anos e dura por bastante tempo, até os 12 anos de idade. É nesse momento que as crianças iniciam a vida escolar e passam a conviver ainda mais com outras crianças.

Neste momento, o cuidado com a alimentação deve ser ainda maior para que elas consumam alimentos com todas as vitaminas e os nutrientes necessários para o seu desenvolvimento e crescimento.

A alimentação deve ser completa, com frutas, verduras, legumes, integrais e proteínas, de preferência com alimentos que coloquem cor no prato. Monte uma lancheira nutritiva com sanduíche de pão integral, iogurte e sucos naturais. 

Assim, é possível garantir uma concentração maior de nutrientes e um sistema imunológico muito mais forte, evitando resfriados e gripes comuns nessa fase! 

crianças bebendo suco

Fase da adolescência

Mesmo estando maiores, essa fase requer cuidado dos pais para que os filhos não troquem o prato de arroz, feijão, proteína e salada por pizza, hambúrguer, refrigerante e fast foods! Pular refeições importantes como o almoço ou café da manhã costuma ser um hábito atrativo para os adolescentes, fique de olho e evite ao máximo essa prática em seu lar! 

Nessa fase os alimentos ricos em cálcio, vitaminas e ferro são os mais indicados, além de frutas e sucos naturais, de preferência sem ou com pouco açúcar.

Pequenos hábitos em casa que refletem na alimentação dos pequenos

Não adianta querer que seu filho coma verdura se você não come. As crianças além de serem estimuladas, imitam e seguem o exemplo dos pais. Então, para que os pequenos se alimentem de forma saudável, você também deve comer saudável.

Alguns nutricionistas infantis, como a Gabriela Kapim, indicam que os hábitos saudáveis são criados no dia a dia das famílias e algumas coisas como por exemplo, não sentar à mesa para comer ou comer enquanto assiste TV podem atrapalhar na forma em que as crianças se alimentam. 

 Veja alguns hábitos que podem ser adicionados a rotina da casa e que influenciam na alimentação dos pequenos:

  • Criar pratos coloridos e atrativos;
  • Fazer as refeições sempre sentado a mesa e sem distrações como TV, tablet e celular;
  • Sempre oferecer novos alimentos como frutas e verduras;
  • Dar autonomia para a criança fazer o seu prato;
  • Seja exemplo para os seus filhos;
  • Evite oferecer alimentos industrializados ou processados;
  • Chame as crianças para ajudar no preparo dos alimentos.

Podem parecer pequenos hábitos, só que são eles que refletem o modo de como as crianças se alimentam.

crianças comendo

Lugar de criança também é na cozinha!

Para te estimular a levar as crianças para a cozinha e tornar os pequenos verdadeiros ajudantes no preparo dos alimentos, veja uma receita fácil, nutritiva e divertida:

Panqueca Colorida

Ingredientes da massa da panqueca

  • 1 xícara de chá de leite;
  • 1 ovo;
  • ½ xícara de chá de farinha de trigo branca;
  • ½ xícara de chá de farinha de trigo integral;
  • sal a gosto.

Ingredientes para colorir

  • 1 beterraba;
  • ervas verdes variadas ou folhas de espinafre;
  • 1 cenoura.

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes da massa da panqueca no liquidificador e bata até que a massa fique homogênea. Para colorir a massa, é só acrescentar a beterraba, a cenoura ou as ervas verdes ou folhas de espinafre. 

Aqueça uma frigideira, se quiser, pode untar com uma gota de azeite. Coloque um pouco da massa da frigideira com a ajuda de uma concha, espalhe em toda a frigideira. Aguarde um pouco e depois vire a massa de lado. Pronto! Agora é só rechear as panquecas como quiser e servir.

criança bebendo suco de laranja

Fazer receitas com as crianças pode ser tornar um hábito, além disso, esse é um momento super divertido para estreitar os laços e também criar o senso de responsabilidade.

Com essas dicas novas a missão de fazer os pequenos se alimentarem melhor fica muito mais fácil. Aproveite também para ler o post sobre aromaterapia para crianças. Até o próximo post!

Escrito por Equipe Brandili

A Brandili é muito mais do que uma fábrica de roupas, é uma empresa que trabalha com amor, carinho e muita dedicação.

Comente!

Assuntos Relacionados